Como Cadastrar Conta de Luz no Bolsa Família

O Bolsa Família é um projeto social que atende muitos brasileiros. Além do auxílio financeiro, seus beneficiários podem ter acesso a outros programas. Neste artigo iremos explicar Como Cadastrar Conta de Luz no Bolsa Família. Atente-se às explicações e siga o tutorial com cuidado para que  não haja problemas.

Conhecida por Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE), para se enquadrar neste benefício você deve se enquadrar em pelo menos um dos critérios abaixo:

Família inscrita no Cadastro Único (CadÚnico); idosos acima de 65 anos ou pessoas com deficiência; beneficiários do programa Bolsa Família.

Para  realizar o cadastro, um dos integrantes do ciclo familiar deverá realizar a solicitação em sua distribuidora de energia elétrica de modo a classificar a residência onde vivem como subclasse residencial de baixa renda.

Serão necessários diversos documentos para realizar este cadastro. Veja a seguir quais são eles: Nome completo, CPF e um documento de identificação oficial com foto; Código da unidade consumidora a ser beneficiada; Número de identificação social (NIS) e/ou o Código Familiar no Cadastro Único ou o Número do Benefício (NB).

Ao levar estes documentos, você deverá seguir atentamente as orientações do atendente e retirar todas as possíveis dúvidas que venham a surgir. Caso você queira se preparar ainda melhor, é possível entrar em contato com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), pelo telefone 167.

Lembre-se, também, de que caso o seu cadastro no sistema do Bolsa Família ou no CadÚnico esteja desatualizado, você correrá o risco de não conseguir a aprovação neste benefício. Por isso, indicamos que você mantenha sempre seus dados corretamente informados e informe, também, os dados dos outros  componentes do ciclo familiar.

Caso haja qualquer tipo de mudança (escola, endereço, entrada ou saída de alguém do ciclo familiar) é necessário realizar a atualização do cadastro também.